16 de nov de 2016

  • Garotinho preso. PF prende ex-governador do Rio, acusado de compra de votos


    O ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho foi preso pela Polícia Federal esta manhã em seu apartamento no Flamengo, zona sul do Rio de Janeiro. Garotinho foi preso, acusado de compra de votos na última eleição em Campos, juntamente com mais oito pessoas.

    Em seu blog, o ex-governador ainda teve tempo de fazer duas postagens com críticas a situação do Estado do Rio e ao governador Pezão.

    Há também a informação, ainda não confirmada, de que sua mulher, a ex-governadora e atual prefeita de Campos Rosinha Garotinho, teria sido afastada do cargo.

    Há semanas em seu blog, Garotinho tem acusado um delegado da Polícia Federal de Campos de o estar perseguindo e à mulher e de agir de maneira arbitrária. Também acusa um juiz local.

    Já a PF investiga o crime de compra de votos nas últimas eleições para prefeito da cidade de Campos dos Goytacazes. E acusa o grupo do ex-governador e sua esposa de terem distribuído milhares de Cheques Cidadão em troca de voto no seu candidato, que afinal acabou derrotado em primeiro turno.

    Várias prisões, inclusive de vereadores reeleitos, foram feitas naquela cidade. A prisão do ex-governador é consequência dessas.

    Segundo as informações atuais, Garotinho será transferido para Campos, onde deverá prestar depoimento exatamente ao delegado da PF que ele acusa de persegui-lo e a seu grupo.




    Blog do Mello
  • 0 comentários:

    Postar um comentário

    Art. 5°, CF

    VIII - ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política, salvo se as invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa, fixada em lei;

    IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença;

    Copyright @ 2014 Descobrindo as Verdades.