5 de abr de 2016

  • Lula traidor - Ex-presidente é aclamado como maior traidor do Brasil em ato de juristas no prédio da USP


    Enquanto o ex-presidente Lula falava com militantes da sucursal mal 
    intencionada do PT, na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, 
    em São Bernardo do Campo (SP), nesta segunda-feria, 4, um outro 
    grupo de juristas favoráveis ao impeachment de Dilma se reunia na 
    capital paulista.

    A concentração, formada em sua maioria por juristas, ocorreu em frente 
    ao prédio da faculdade de Direito da USP, no Largo São Francisco, em 
    São Paulo. O ato contou com a presença do ex-fundador do PT, Hélio 
    Bicudo e do jurista Miguel Reale Jr, ambos signatários do pedido de 
    afastamento em análise da Câmara dos Deputados.

    O jurista não poupou críticas ao modus operandi do PT no governo quando se referiu ao partido como uma "quadrilha" e puxou o coro de fora Dilma.

    Hélio Bicudo também se mostrou indignado com os rumos que o partido deu a país ao afirmar que "nunca viu tantos desmandos no Brasil".

    Os presentes não hesitaram ao demonstrar suas convicções sobre os danos causados pelo PT no país e confrontaram a arrogância com que Lula e os demais membros do partido se mostram confiantes na impunidade.

    O advogado Modesto Carvalhosa não escondeu sia indignação contra as mentiras dos representantes do partido e comparou os petistas ao pai da propaganda nazista, Joseph Goebbels, que postulou que uma mentira contada mil vezes acaba se tornando verdade: "Eles querem passar uma ideia de que todos são ladrões. Não somos não! Os petistas é que são ladrões e quadrilheiros"

    Coube ao presidente do Tribunal Regional Federal (TRF) da 3ª Região, Newton De Lucca. Mestre, Doutor, Livre-Docente, Adjunto e Professor Titular pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, demolir a fraude que se tornou o ex-presidente Lula.

    Acompanhe nos vídeos abaixo:





  • 0 comentários:

    Postar um comentário

    Art. 5°, CF

    VIII - ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política, salvo se as invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa, fixada em lei;

    IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença;

    Copyright @ 2014 Descobrindo as Verdades.