21 de mar de 2016

  • Novo ministro da Justiça pode ser suspenso, caso tente atrapalhar a Lava Jato

    Alx eugenio aragao justica original

    Depois de dizer que se houvesse qualquer "cheiro" de vazamento, a equipe da Lava Jato seria substituida, o novo Ministro da Justiça Eugênio de Aragão recebeu uma resposta a altura dos Delegados da PF.
    Em nota, a Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF) destaca trechos das interceptações de conversas do ex-presidente "a respeito do subprocurador-geral da República, Eugênio de Aragão, recém-nomeado para o cargo de Ministro de Estado da Justiça".
    "É lamentável constatar que agentes públicos, que deveriam agir com imparcialidade, transparência e moralidade, para a garantia da aplicação da Constituição Federal e das Leis, queiram praticar atos de ingerência política numa das mais importantes investigações em curso no país".
     A Associação "já havia alertado sobre o risco de interferência política na Polícia Federal em razão da falta de autonomia da instituição".
    O povo brasileiro não aceitará qualquer tipo de tentativa de barrar a Lava jato. Aragão poderá sofrer ação popular e ser suspenso do cargo, assim como aconteceu com seu companheiro Lula.
    Leia mais: Acesse o artigo


  • 0 comentários:

    Postar um comentário

    Art. 5°, CF

    VIII - ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política, salvo se as invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa, fixada em lei;

    IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença;

    Copyright @ 2014 Descobrindo as Verdades.