8 de out de 2015

  • TSE não confia nas urnas eletrônicas e realiza eleição para corregedor com cédulas de papel



     É o que está afimar a Denise M. A. Abreu que acompanha as tretas de Brasília cotidianamente. Ou seja, para o povo ludibriado, as urnas fraudadas. Para os 'belezão' do bolivariano TSE, cédulas de papel? Resumindo, nem o TSE confia nas urnas. E, embora aleguem alguns que são poucos votos, e que por isso não foi usado o sistema eletrônico, estamos diante de mais uma constatação de que o sistema eleitoral está 'batizado, fudido, corrompido, levado à brecas, ao ponto do órgão máximo que cuida das eleições não utilizá-lo'. E fica a pergunta aos defensores da teoria que diz que 'só muda o país no voto, nas urnas': MUDA?
     REFLITAM. MUDA NAS URNAS?
                       
    OUTRAS POSTS RELACIONADAS

  • 0 comentários:

    Postar um comentário

    Art. 5°, CF

    VIII - ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política, salvo se as invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa, fixada em lei;

    IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença;

    Copyright @ 2014 Descobrindo as Verdades.